Selecione o idioma (Select the language)

segunda-feira, 18 de abril de 2016

5 plantas de baixa manutenção - Vantagens e desvantagens


      Plantas são realmente maravilhosas, deixam o ambiente alegre, fazem parte da decoração, mas nem sempre temos tempo para cuidar diariamente das plantinhas. 
   Por isso, fizemos esse post com a intenção de te ajudar na escolha de plantas que vão facilitar a sua vida. Especialmente para aquelas pessoas que precisam viajar por uma semana e não precisarão se preocupar com a plantinha. 



1- Violetas


  • Como cuidar: O plantio deve ser feito em vaso de barro, pois ele absorve o excesso de água, evitando que as raízes dela apodreçam. A rega pode ser semanal e não deve regar as folhas para não apodrecê-las, molhe somente a terra. A violeta precisa de bastante luminosidade para florir, mas não pode ser luz direta para não queimar as folhas. O ideal é mantê-la próxima de uma janela de vidro que recebe bastante luminosidade.


  • Vantagens: Não necessita de rega frequente; pode ter dentro de casa, sem se preocupar em colocá-la no quintal para tomar sol; temperatura igual ou maior que 30 ºC podem reduzir seu florescimento e crescimento; temperaturas abaixo de 21 ºC inibem seu florescimento.


  • Desvantagens: Necessita de adubagem mensal para se manter bem bonita; morre se submetida ao excesso de água; se molhar as flores e folhas elas podem secar; para seu cultivo não pode utilizar qualquer tipo de vaso, somente o de barro.



2- Cactus





  • Como cuidar: O plantio pode ser feito em qualquer tipo de vaso, a rega deve ser realizada uma vez por semana ou a cada 10 dias, não mais que isso, pois podem até morrer, algumas vezes dependendo do clima você pode regá-lo uma vez ao mês. O cacto precisa de luminosidade direta, sendo ideal mantê-lo no local mais iluminado e quente da sua casa.

  • Vantagens: Não precisa podar; a adubação pode ser feita uma ou duas vezes ao ano; não necessita de regas constantes, muito fácil de cuidar, mesmo por quem é inexperiente.

  • Desvantagens: Não tolera muito frio, portanto no inverno deve ficar dentro de casa; o excesso de água pode matar a planta, para melhor drenagem é recomendado um vaso raso, cerca de 25 cm; se você o mantêm dentro de casa sem exposição à luz, é necessário colocá-lo sob luz direta todos os dias de 4 a 6 horas diárias. 





3- Espada de São Jorge




  • Como cuidar: O plantio pode ser feito em qualquer tipo de vaso, sem necessidade de um solo especial. A rega pode ser realizada a cada 15 dias e sem molhar as folhas, não deve exagerar na quantidade de água para não apodrecer as raízes. O ideal é mantê-la em meia sombra, porém ela suporta o contato direto com a luminosidade. Quando as raízes preenchem todo o vaso, é necessário trocá-la de recipiente.

  • Vantagens: A adubação pode ser feita uma vez ao ano; é uma ótima planta para ter dentro de casa, sem necessidade de colocá-la num local muito luminoso; é tolerante a luminosidade, podendo tê-la fora de casa na sua sacada; não necessita de solo especial; suporta clima frio, ar condicionado e até fumaça de cigarro; purifica o ar, removendo benzeno, formol, tricloroetileno, xileno e tolueno; produz oxigênio à noite. 

  • Desvantagens: Precisa tomar cuidado para não regar em excesso, pois apodrece as raízes da planta.


4- Bambu da sorte






  • Como cuidar: Pode ser cultivado só na água ou com solo e qualquer tipo de vaso, mas se for com solo o ideal é que tenha uma boa drenagem. Pode regar bem a planta e cerca de uma vez por semana. Se o cultivo for em solo, não pode encharcar ou deixar seco demais. Não mantenha-o sob luz direta, ele requer pouca iluminação, deixar ele perto de uma janela com pouca iluminação é o ideal. Se for usar fertilizante deve colocar pouco e a cada um ou dois meses.


  • Vantagens: Você pode optar por plantá-lo em solo ou somente em água; pode mantê-lo dentro de casa como centro de mesa, já que não exige muita iluminação; não requer regas constantes, fácil de cuidar; não precisa de podas e se precisar é porque algo está errado com a sua plantinha ( muita luz, muito fertilizante ou pouca água).

  • Desvantagens: Se cultivado em solo, o excesso de água ou fertilizante pode prejudicá-lo.

5- Zamioculca




  • Como cuidar: Deve ser cultivada em solo drenável e rico em matéria orgânica, é uma planta resistente e portanto pode ser regada uma vez por semana. O ideal é deixá-la exposta numa área de meia sombra ou luminosidade indireta, portanto não necessita colocá-la perto da janela, sendo ideal para se ter na sala ou em outros locais sombreados da casa. Pode fazer fertilização mensal leve se desejar.


  • Vantagens: A poda pode ser feita a cada 2 ou 3 anos para remover folhas amareladas e mortas; ideal para se ter dentro de casa em locais sombreados, ela possui um rizoma suculento, permitindo sua sobrevivência em períodos secos, então pela sua resistência, se esquecer de regar ela não morrerá por isso. Em locais muito frios pode colocar ao sol no período da manha durante ou a tardinha. 

  • Desvantagens: Sensível ao excesso de água, podendo causar podridão da raiz ou amarelamento das folhas, portanto, não exagere na água; não tolera ficar completamente exposta ao sol, portanto, não é ideal para quem quer mantê-la fora de casa no quintal.


E você, qual dessas plantas ficou com vontade de ter em casa? Conte para mim nos comentários. Marque abaixo o que achou desse post. 



Obs: Os devidos créditos estão nas imagens. 






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça um comentário